Pergunta à Comissão: Processos de infração - Diretiva 2010/63/UE - investigação de alegadas práticas cruéis e ilegais no Laboratório LPT da Baixa Saxónia

Pergunta à Comissão: Processos de infração - Diretiva 2010/63/UE - investigação de alegadas práticas cruéis e ilegais no Laboratório LPT da Baixa Saxónia

  • Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019

  •      A+  A-

Veja aqui a pergunta de Francisco Guerreiro à Comissão Europeia e a respetiva resposta sobre oo processos de infração da Diretiva 2010/63/UE e da investigação de alegadas práticas cruéis e ilegais no Laboratório LPT da Baixa Saxónia.

Assunto: Processos de infração - Diretiva 2010/63/UE - investigação de alegadas práticas cruéis e ilegais no Laboratório LPT da Baixa Saxónia

A 10 de setembro de 2018, Keith Taylor (Verdes/ALE) apresentou uma pergunta (E-004591/2018) sobre os processos de infração da Comissão contra dez Estados-Membros relacionados com a transposição da Diretiva 2010/63/UE para as legislações nacionais; e a 16 de julho de 2018, Martin Häusling (Verdes/ ALE) apresentou outra pergunta (E-003938/2018), questionando como pretendia a Comissão proceder em relação às queixas sobre a transposição incorreta da Diretiva 2010/63/UE no caso específico da Alemanha. Considerando estes pressupostos: 

Irá a Comissão fornecer uma descrição detalhada das atuais queixas recebidas contra os Estados-Membros no que diz respeito à transposição da Diretiva 2010/63/UE e uma atualização do estado dos processos de infração de cada Estado-Membro? 

À luz das revelações chocantes da investigação levada a cabo pela Cruelty Free International e SOKO Tierschutz nas instalações do laboratório de testes em animais da LPT na Baixa Saxónia, Alemanha, confirmará a Comissão que o laboratório violou a Diretiva 2010/63/UE e concordará que essas violações foram, pelo menos em parte, resultantes de uma transposição incorreta da Diretiva 2010/63/UE por parte da Alemanha?

Tencionará a Comissão intervir para garantir que sejam tomadas medidas contra este laboratório em particular e para assegurar o PE de que tais abusos não estão a ocorrer noutros Estados-Membro?

 

Resposta escrita

 

Com base no relatório da Cruelty Free International e do SOKO Tierschutz, os descritos atos de crueldade para com os animais de laboratório cometidos pelo Laboratório de Farmacologia e de Toxicologia (LPT) parecem violar a Diretiva 2010/63/UE(1). Com efeito, o artigo 4.°, n.° 3, desta diretiva prevê obrigações de tratamento e prestação de cuidados.

Além disso, o artigo 34.° da diretiva prevê a obrigação de os Estados-Membros realizarem inspeções periódicas para verificar o cumprimento dos requisitos da diretiva. De acordo com o inquérito, o laboratório LPT foi inspecionado quatro vezes desde 2018, sem que tenha sido identificada qualquer violação.

Antes de estes atos se terem revelado, a Comissão tinha iniciado, em 19 de julho de 2018, um procedimento de infração contra a Alemanha por não conformidade da legislação nacional de transposição com a diretiva. Em julho de 2019, foi enviado um parecer fundamentado ao Governo alemão. A Comissão recebeu uma resposta em setembro de 2019, que está atualmente a ser avaliada. 

À luz do relatório das organizações não governamentais sobre o LPT, os serviços da Comissão manifestaram a sua preocupação e pediram esclarecimentos adicionais sobre as medidas que as autoridades alemãs tencionam tomar sobre o assunto. 

Entretanto, os meios de comunicação social alemães anunciaram o encerramento do laboratório e uma investigação do Ministério Público Federal.

No total, a Comissão lançou quinze procedimentos de infração por não conformidade contra diferentes Estados-Membros — três foram encerrados posteriormente depois de os Estados‐Membros terem corrigido o problema no respetivo direito nacional. 

(1)  Diretiva 2010/63/UE do Parlamento Europeu e do Conselho, de 22 de setembro de 2010, relativa à proteção dos animais utilizados para fins científicos (texto relevante para efeitos do EEE),

https://eur-lex.europa.eu/legal-content/PT/TXT/?uri=CELEX:02010L0063-20190626


Partilhar artigo

A ler também...

1 ano como independente: Reforço da representação ecologista no Parlamento Europeu
  • Ambiente
  • Direitos Sociais
  • Lei do Clima
  • Política Agrícola Comum
  • Verdes/ALE
  • 1 ano como independente: Reforço da representação ecologista no Parlamento Europeu

    Quarta-feira, 28 de Julho de 2021
    O último ano do deputado Francisco Guerreiro como membro independente do Parlamento Europeu ficou marcado pelo trabalho em volta da Política Agrícola Comum, do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos, das Pescas e da Aquicultura e da Lei do Clima.
    LER MAIS
    Guerreiro questiona Comissão sobre financiamento europeu de incineradora nos Açores
  • Ambiente
  • Guerreiro questiona Comissão sobre financiamento europeu de incineradora nos Açores

    Segunda-feira, 12 de Julho de 2021
    O eurodeputado dos Verdes/Aliança Verde Europeia (Verdes/ALE), Francisco Guerreiro, questionou a Comissão Europeia (CE) sobre o financiamento europeu da construção de uma incineradora na ilha de São Miguel, Açores.
    LER MAIS
    PAC: emenda para rejeitar fundos às touradas foi descartada em trílogos
  • Animais
  • PAC: emenda para rejeitar fundos às touradas foi descartada em trílogos

    Sexta-feira, 09 de Julho de 2021
    Foi descartada, esta semana, uma emenda introduzida pelo eurodeputado dos Verdes/Aliança Livre Europeia (Verdes/ALE) e Vice-Presidente da Comissão da Agricultura e do Desenvolvimento Rural (AGRI), Francisco Guerreiro, sobre a tauromaquia.
    LER MAIS
    Francisco Guerreiro debate alteração dos sistemas alimentares da ONU com WWF
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Ambiente
  • Francisco Guerreiro debate alteração dos sistemas alimentares da ONU com WWF

    Quinta-feira, 08 de Julho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro foi um dos participantes do ciclo de debates da Associação Natureza Portugal em colaboração com a World Wide Fund For Nature (ANPIWWF).
    LER MAIS
    Fundo dos Assuntos Marítimos e das Pescas aprovado com voto contra dos Verdes/ALE
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Ambiente
  • Sessão Plenária
  • Verdes/ALE
  • Fundo dos Assuntos Marítimos e das Pescas aprovado com voto contra dos Verdes/ALE

    Quarta-feira, 07 de Julho de 2021
    O Parlamento Europeu aprovou hoje o acordo sobre o Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos, das Pescas e da Aquicultura (FEAMPA). Enquanto relator-sombra pelo Grupo dos Verdes/ALE, o eurodeputado Francisco Guerreiro introduziu uma emenda para a rejeição do acordo, porém, a mesma foi chumbada por 516 votos contra e apenas 143 a favor.
    LER MAIS
    Guerreiro preside reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais
  • Animais
  • Verdes/ALE
  • Guerreiro preside reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais

    Quinta-feira, 01 de Julho de 2021
    O eurodeputado dos Verdes/Aliança Livre Europeia presidiu hoje a reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais sobre o ‘Relatório de Implementação sobre Bem-Estar dos Animais de Criação’ pelo qual é também relator-sombra.
    LER MAIS
    Comissão Europeia elimina jaulas na pecuária até 2027
  • Animais
  • Comissão Europeia elimina jaulas na pecuária até 2027

    Quarta-feira, 30 de Junho de 2021
    A Comissão Europeia (CE) comprometeu-se hoje a eliminar gradualmente as jaulas na pecuária, em toda a União Europeia (UE), estudando a possibilidade de a proibição entrar em vigor em 2027. A proposta legislativa vai ser apresentada até ao fim de 2023, juntamente com a revisão da legislação de bem-estar animal, já prometida na estratégia política alimentar da UE, a Estratégia ‘Do Prado ao Prato’.
    LER MAIS
    Fim da Presidência portuguesa: (In)Ação climática e acordo na Política Agrícola Comum ditam avaliação negativa
  • Presidência do Conselho da UE
  • Fim da Presidência portuguesa: (In)Ação climática e acordo na Política Agrícola Comum ditam avaliação negativa

    Quarta-feira, 30 de Junho de 2021
    Esta quarta-feira, dia 30 de junho, termina o semestre português na Presidência do Conselho da União Europeia. Apesar de alguns pontos positivos, nomeadamente em matérias orçamentais e de transparência fiscal (e.g. acordo sobre a Diretiva de Divulgação Pública de Informações por País) houve um fracasso generalizado no que concerne a matérias climáticas e no panorama internacional, nomeadamente no relacionamento com a China e com os países do Mercosul.
    LER MAIS
    Guerreiro participa em conferência sobre qualidade alimentar
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Guerreiro participa em conferência sobre qualidade alimentar

    Terça-feira, 29 de Junho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro participou hoje na conferência 'Capacitar Organizações de Consumidores: Rumo a uma abordagem harmonizada para lidar com a dupla qualidade em produtos alimentícios' (ECO, na sua sigla em inglês) na qual falou do combate à dupla qualidade alimentar, na União Europeia.
    LER MAIS
    SAFE: Francisco Guerreiro debate qualidade dos alimentos
  • Política Agrícola Comum
  • SAFE: Francisco Guerreiro debate qualidade dos alimentos

    Terça-feira, 29 de Junho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro foi um dos oradores da conferência da SAFE "Dual Food Quality: Empowering Consumer Organizations".
    LER MAIS

    mais notícias

    Não encontras o que procuras?