Francisco Guerreiro questiona Comissão sobre o fim das episiotomias

Francisco Guerreiro questiona Comissão sobre o fim das episiotomias

  • Segunda-feira, 08 de Março de 2021

  •      A+  A-

Bruxelas, 8 de março de 2020 – Tendo em vista as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), que desaconselha por completo a realização de episiotomias, eurodeputado Francisco Guerreiro (Verdes/ALE) questionou hoje a Comissão Europeia (CE) sobre o fim desta prática. 

O eurodeputado pergunta à CE que ações está a promover junto dos Estados Membros, no sector público e privado, para cumprir as mais recentes recomendações da OMS de modo a atingir-se o fim da prática recorrente da episiotomia. 

A episiotomia, que consiste numa incisão cirúrgica feita nos tecidos à volta da vulva para facilitar a saída do feto durante o parto, ainda é uma prática comum em países como Portugal onde a taxa de ocorrência está nos 73%.

 

Vê a pergunta e respetiva resposta abaixo.

 

Assunto: Taxas de episiotomias na UE

 

A União Europeia (UE) tem competências limitadas na esfera da saúde, porém, e concernente à cooperação entre Estados-Membros, cumpre garantir uma harmonização das várias políticas de saúde. A prática reiterada de episiotomias na UE, sobretudo em países como Portugal, com uma taxa de ocorrência de 73%*(1), o segundo país da Europa com a taxa mais alta, segundo o Relatório Primavera 2018, do Observatório português dos sistemas de saúde, demonstra que a literatura científica e as boas práticas para garantir um parto humanizado demoram a efectivar-se. 

Mais, a Organização Mundial de Saúde (OMS) recomendava, antes de 2018, que a taxa de ocorrência desta intervenção não ultrapassasse os 10%. Actualmente desaconselha totalmente esta prática*(2). 

 

*(1) https://www.europeristat.com/images/Comunicado_imprensa_EUROPERISTAT.pdf

* (2) WHO | WHO recommendations: intrapartum care for a positive childbirth experience

 

Neste sentido questiono a Comissão que:

1) acções está a promover junto dos Estados Membros, no sector público e privado, para cumprir as mais recentes recomendações da OMS de modo a atingir-se o fim da prática recorrente da episiotomia?

2) considera uma prioridade a prossecução de políticas públicas para partos mais humanizados, em todos os Estados Membros, de acordo com os mais recentes dados científicos?

 

Resposta da CE


Há muito que a Comissão promove o intercâmbio de informações sobre a saúde perinatal através do financiamento do projeto Euro-Peristat e dos subsequentes relatórios sobre a saúde perinatal na Europa. O projeto identificou claramente o indicador das taxas de episiotomia como uma ilustração da variabilidade das práticas médicas na Europa. De acordo com o relatório sobre a saúde perinatal na Europa de 2010, as taxas de episiotomia diminuíram ou mantiveram-se inalteradas em muitos países, com algumas exceções. A Organização Mundial da Saúde recomenda que uma episiotomia seja realizada apenas num número estritamente limitado de indicações, mas tendo em conta que se trata de um forte fator de proteção contra a laceração genital. 

O artigo 168.º do Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia indica que a definição das políticas de saúde, a organização e prestação de serviços de saúde e de cuidados médicos, a gestão dos serviços de saúde e dos cuidados médicos, bem como a repartição dos recursos que lhes são afetados, são da responsabilidade dos Estados-Membros.

 


Partilhar artigo

A ler também...

Comissão de Agricultura aprova relatório incoerente sobre a execução da legislação de bem-estar animal
  • Animais
  • Comissão de Agricultura aprova relatório incoerente sobre a execução da legislação de bem-estar animal

    Terça-feira, 26 de Outubro de 2021
    Foi hoje a voto final o projeto de relatório (INI – own initiative report) da Comissão de Agricultura e Desenvolvimento Rural do Parlamento Europeu referente à execução das normas de bem-estar animal nas explorações agrícolas. Francisco Guerreiro, encarregue da negociação do relatório para o seu grupo político, Verdes/Aliança Livre Europeia, votou contra o documento final por falhar em reconhecer os erros do atual sistema de produção de animais e a ciência.
    LER MAIS
    Intergrupo pelos animais: Debate sobre bem-estar animal na aqualcultura
  • Animais
  • Intergrupo pelos animais: Debate sobre bem-estar animal na aqualcultura

    Quinta-feira, 21 de Outubro de 2021
    Debate no Intergrupo pelos Animais sobre medidas de bem-estar animal na aquacultura com a Comissão Europeia e várias ONG do sector.
    LER MAIS
    EXCLUSIVO: 76% dos portugueses concorda com a implementação do RBI
  • Rendimento Básico Incondicional
  • EXCLUSIVO: 76% dos portugueses concorda com a implementação do RBI

    Quarta-feira, 13 de Outubro de 2021
    Um estudo da Marktest, encomendado pelo eurodeputado Francisco Guerreiro, revela que 76% dos portugueses são favoráveis à implementação de um Rendimento Básico Incondicional.
    LER MAIS
    Intergrupo de Bem-Estar Animal pede fim de matança de golfinhos
  • Animais
  • Intergrupo de Bem-Estar Animal pede fim de matança de golfinhos

    Quarta-feira, 13 de Outubro de 2021
    Eurodeputados do Intergrupo de Bem-Estar animal enviaram uma carta do Governo Dinamarquês com um apelo para que acabe com a matança de golfinhos, como aquela a que se assistiu recente, nas Ilhas Faroé.
    LER MAIS
    Tubarão-anequim: Francisco Guerreiro pede que Portugal assuma compromisso pela biodiversidade
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Tubarão-anequim: Francisco Guerreiro pede que Portugal assuma compromisso pela biodiversidade

    Quarta-feira, 13 de Outubro de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro (Verdes/Aliança Livre Europeia) enviou uma carta ao Ministro do Mar de Portugal sobre as populações de tubarão-anequim em perigo de extinção e as negociações que estão a decorrer entre a União Europeia e os Estados Membros.
    LER MAIS
    Eurodeputados preocupados com rapidez das negociações de Acordo de Associação UE-Chile
  • Acordos bilaterais
  • Eurodeputados preocupados com rapidez das negociações de Acordo de Associação UE-Chile

    Domingo, 10 de Outubro de 2021
    Um grupo de 36 eurodeputados, no qual se inclui Francisco Guerreiro, enviou uma carta à Comissão Euroepia na qual manisfesta a sua grande preocupação pela rapidez com que decorrem as negociações em curso sobre a modernização do Acordo de Associação UE-Chile.
    LER MAIS
    A Implantação da República e os Pandora Papers
  • Economia
  • A Implantação da República e os Pandora Papers

    Terça-feira, 05 de Outubro de 2021
    O Parlamento Europeu (PE) vai debater esta quarta-feira à tarde, dia 6 de Outubro, o caso "Pandora Papers", uma investigação do Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ) que divulgou, nas últimas horas, casos de evasão fiscal e lavagem de dinheiro que envolvem mais de 330 políticos em 90 países e territórios.
    LER MAIS
    Francisco Guerreiro participa no evento No Animal Left Behind
  • Animais
  • Francisco Guerreiro participa no evento No Animal Left Behind

    Segunda-feira, 04 de Outubro de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro participou no evento "No Animal Left Behind" do "Eurogrupo for Animals"
    LER MAIS
    Francisco Guerreiro visita fábrica de alheiras vegetarianas
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Francisco Guerreiro visita fábrica de alheiras vegetarianas

    Segunda-feira, 20 de Setembro de 2021
    O eurodeputado dos Verdes/Aliança Livre Europeia, Francisco Guerreiro, visitou hoje a fábrica de alheiras da EuroFumeiro, em Mirandela, para conhecer o processo de produção de alheiras vegetarianas.
    LER MAIS
    Parlamento Europeu pede redução concreta e coordenada de testes em animais
  • Animais
  • Parlamento Europeu pede redução concreta e coordenada de testes em animais

    Quinta-feira, 16 de Setembro de 2021
    Foi hoje aprovada na sessão plenária de Estrasburgo uma resolução do Parlamento Europeu (PE) "sobre os planos e as ações para acelerar a transição para a inovação sem recurso à utilização de animais na investigação, nos ensaios regulamentares e na educação", com 667 votos favor, 4 contra, 16 abstenções.
    LER MAIS

    mais notícias

    Não encontras o que procuras?