Eurodeputados adotam Estratégia para as Florestas que contradiz metas da Biodiversidade

Eurodeputados adotam Estratégia para as Florestas que contradiz metas da Biodiversidade

  • Quinta-feira, 08 de Outubro de 2020

  •      A+  A-

Bruxelas, 8 de outubro de 2020 – O Parlamento Europeu falhou em adotar uma verdadeira Estratégia da União Europeia (UE) para as Florestas ao votar contra a ambiciosa proposta de resolução alternativa da Comissão do Ambiente, da Saúde Pública e da Segurança Alimentar (ENVI), preferindo, assim, manter o relatório inicial da Comissão da Agricultura e Desenvolvimento Rural (AGRI).

 
A proposta de resolução alternativa da ENVI foi apresentada pelos Verdes/Aliança Livre Europeia (Verdes/ALE) por considerarem a linguagem do relatório da AGRI fraca e incapaz de proteger as florestas, apresentando aspetos que contradizem a Estratégia da Biodiversidade para 2030, proposta pela Comissão Europeia em maio.
 
“O relatório da AGRI, para além de não estar em linha com a Estratégia de Biodiversidade, e, em partes, prejudicá-la ativamente, ironicamente, contraria ainda a posição recentemente adotada pelo próprio Parlamento no relatório sobre a ação da UE para proteger e restaurar as florestas a nível mundial’”, defende o eurodeputado Francisco Guerreiro, dos Verdes/ALE.
 
Com a aprovação do relatório da AGRI, a posição final do Parlamento defende que as florestas geridas para fins comerciais são as únicas florestas de valor, e as que melhor protegem o clima e a saúde florestal. Para além disto, incentiva ainda mais o uso de biomassa florestal para a produção de energia na UE, retratando-a como positiva para o combate às alterações climáticas.
 
“Entre outras coisas, o relatório da Comissão AGRI pouco salvaguarda as florestas e está excessivamente focado na dita Gestão Sustentável das Florestas (SFM), um conceito não vinculativo desenvolvido por silvicultores e que não protege a biodiversidade,” afirma Francisco Guerreio.
 
A resolução da ENVI exigia, entre outros, que a proteção do clima e da biodiversidade fossem objetivos centrais interligados à nova estratégia florestal. Reconhecia, igualmente, toda a gama de funções ecológicas que as florestas representam e apelava à proteção destas, bem como ao florestamento e reflorestamento com espécies de árvores adequadas à localização e ao meio ambiente.
 
No entanto, a proposta alternativa não reuniu consenso e foi rejeitada por 429 votos. O relatório de AGRI foi assim aprovado com 462 votos a favor, 176 contra e 59 abstenções e contou com o voto contra do grupo parlamentar dos Verdes/ALE.
 
Pelo menos 43% da superfície da UE está coberta com florestas e outros terrenos arborizados. O setor emprega cerca de 500 mil pessoas, diretamente, e 2,6 milhões, indiretamente. Cerca de 1/3 das florestas da UE são propriedade privada.

Partilhar artigo

A ler também...

1 ano como independente: Reforço da representação ecologista no Parlamento Europeu
  • Ambiente
  • Direitos Sociais
  • Lei do Clima
  • Política Agrícola Comum
  • Verdes/ALE
  • 1 ano como independente: Reforço da representação ecologista no Parlamento Europeu

    Quarta-feira, 28 de Julho de 2021
    O último ano do deputado Francisco Guerreiro como membro independente do Parlamento Europeu ficou marcado pelo trabalho em volta da Política Agrícola Comum, do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos, das Pescas e da Aquicultura e da Lei do Clima.
    LER MAIS
    Guerreiro questiona Comissão sobre financiamento europeu de incineradora nos Açores
  • Ambiente
  • Guerreiro questiona Comissão sobre financiamento europeu de incineradora nos Açores

    Segunda-feira, 12 de Julho de 2021
    O eurodeputado dos Verdes/Aliança Verde Europeia (Verdes/ALE), Francisco Guerreiro, questionou a Comissão Europeia (CE) sobre o financiamento europeu da construção de uma incineradora na ilha de São Miguel, Açores.
    LER MAIS
    PAC: emenda para rejeitar fundos às touradas foi descartada em trílogos
  • Animais
  • PAC: emenda para rejeitar fundos às touradas foi descartada em trílogos

    Sexta-feira, 09 de Julho de 2021
    Foi descartada, esta semana, uma emenda introduzida pelo eurodeputado dos Verdes/Aliança Livre Europeia (Verdes/ALE) e Vice-Presidente da Comissão da Agricultura e do Desenvolvimento Rural (AGRI), Francisco Guerreiro, sobre a tauromaquia.
    LER MAIS
    Francisco Guerreiro debate alteração dos sistemas alimentares da ONU com WWF
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Ambiente
  • Francisco Guerreiro debate alteração dos sistemas alimentares da ONU com WWF

    Quinta-feira, 08 de Julho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro foi um dos participantes do ciclo de debates da Associação Natureza Portugal em colaboração com a World Wide Fund For Nature (ANPIWWF).
    LER MAIS
    Fundo dos Assuntos Marítimos e das Pescas aprovado com voto contra dos Verdes/ALE
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Ambiente
  • Sessão Plenária
  • Verdes/ALE
  • Fundo dos Assuntos Marítimos e das Pescas aprovado com voto contra dos Verdes/ALE

    Quarta-feira, 07 de Julho de 2021
    O Parlamento Europeu aprovou hoje o acordo sobre o Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos, das Pescas e da Aquicultura (FEAMPA). Enquanto relator-sombra pelo Grupo dos Verdes/ALE, o eurodeputado Francisco Guerreiro introduziu uma emenda para a rejeição do acordo, porém, a mesma foi chumbada por 516 votos contra e apenas 143 a favor.
    LER MAIS
    Guerreiro preside reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais
  • Animais
  • Verdes/ALE
  • Guerreiro preside reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais

    Quinta-feira, 01 de Julho de 2021
    O eurodeputado dos Verdes/Aliança Livre Europeia presidiu hoje a reunião do Intergrupo para o Bem-Estar e Conservação dos Animais sobre o ‘Relatório de Implementação sobre Bem-Estar dos Animais de Criação’ pelo qual é também relator-sombra.
    LER MAIS
    Comissão Europeia elimina jaulas na pecuária até 2027
  • Animais
  • Comissão Europeia elimina jaulas na pecuária até 2027

    Quarta-feira, 30 de Junho de 2021
    A Comissão Europeia (CE) comprometeu-se hoje a eliminar gradualmente as jaulas na pecuária, em toda a União Europeia (UE), estudando a possibilidade de a proibição entrar em vigor em 2027. A proposta legislativa vai ser apresentada até ao fim de 2023, juntamente com a revisão da legislação de bem-estar animal, já prometida na estratégia política alimentar da UE, a Estratégia ‘Do Prado ao Prato’.
    LER MAIS
    Fim da Presidência portuguesa: (In)Ação climática e acordo na Política Agrícola Comum ditam avaliação negativa
  • Presidência do Conselho da UE
  • Fim da Presidência portuguesa: (In)Ação climática e acordo na Política Agrícola Comum ditam avaliação negativa

    Quarta-feira, 30 de Junho de 2021
    Esta quarta-feira, dia 30 de junho, termina o semestre português na Presidência do Conselho da União Europeia. Apesar de alguns pontos positivos, nomeadamente em matérias orçamentais e de transparência fiscal (e.g. acordo sobre a Diretiva de Divulgação Pública de Informações por País) houve um fracasso generalizado no que concerne a matérias climáticas e no panorama internacional, nomeadamente no relacionamento com a China e com os países do Mercosul.
    LER MAIS
    Guerreiro participa em conferência sobre qualidade alimentar
  • Agricultura, Mar e Florestas
  • Guerreiro participa em conferência sobre qualidade alimentar

    Terça-feira, 29 de Junho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro participou hoje na conferência 'Capacitar Organizações de Consumidores: Rumo a uma abordagem harmonizada para lidar com a dupla qualidade em produtos alimentícios' (ECO, na sua sigla em inglês) na qual falou do combate à dupla qualidade alimentar, na União Europeia.
    LER MAIS
    SAFE: Francisco Guerreiro debate qualidade dos alimentos
  • Política Agrícola Comum
  • SAFE: Francisco Guerreiro debate qualidade dos alimentos

    Terça-feira, 29 de Junho de 2021
    O eurodeputado Francisco Guerreiro foi um dos oradores da conferência da SAFE "Dual Food Quality: Empowering Consumer Organizations".
    LER MAIS

    mais notícias

    Não encontras o que procuras?